8 mitos clássicos que seus avós te ensinaram


Por Jane
Em 03/01/2019

Os mitos clássicos são narrativas que normalmente surgem a partir da necessidade de explicação, origem, função, finalidade ou até mesmo a forma como as coisas funcionam no mundo. Assim, basicamente, é criado uma espécie de conto, contado por um narrador que normalmente possui algum nível de credibilidade, poder de liderança ou domínio de linguagem convincente diante da sociedade ou de um determinado grupo de pessoas.


Mesmo que a narrativa contada não tenha nenhum tipo de conhecimento técnico, especifico ou com fundamentos científicos, ainda assim, é capaz de causar grandes mudanças comportamentais e criar novos costumes perante a sociedade.


Mitos clássicos que seus avós te ensinaram 


1. Os Girassóis acompanham o Sol


Esse, sem dúvidas, é outro grande mito que vem se propagando com muito frequência nas ultimas décadas. 

Apesar de acontecer com as mudinhas em alguns casos, quando os girassóis atingem a fase adulta e se tornam bem floridos, eles costumam se direcionar e ficarem apontados para o leste, ao invés de acompanharem o sol, como diz o mito. 

2. Raios não caem no mesmo lugar 

Sim, acreditem se quiser, pois os raios podem sim cair no mesmo lugar mais de uma vez! Um grande exemplo disso é o Empire State Building, em Nova York, da qual costuma atrair raios com muita facilidade de frequência, podendo calcular uma média de 100 raios por ano. 

Além disso, há vários relatos de pessoas que já foram atingidas por raios mais de uma vez! 

3. A chuva causa resfriado 

As pessoas mais antigas, principalmente os avós, sempre diziam: “Não fica na chuva moleque, você vai pegar um resfriado"! Tecnicamente, as temperaturas baixas e a chuva por si só não são capazes de causarem doenças, o que são os causadores dela são os vírus.

Entretanto, o que pode acontecer, é uma determinada pessoa ficar mais propensa aos vírus durante a chuva e ficar doente, já que eles ficam bem mais ativos nesse clima. 

4. Camaleões mudam de cor para se camuflar 

Suas mudanças de cor podem até ajudar em suas camuflagens, mas os principais fatores que realmente interferem em suas mudanças são o estado de espírito e as temperaturas. 

Além disso, suas variações de cores também servem como forma de comunicação entre os demais, e inclusive, as cores mais comum entre eles são a cinza, verde e a marrom. 

5. Se bater um vento, vai ficar com a careta para sempre 


Muitas pessoas, antigamente, costumavam dizer que se você fizesse careta e batesse um vento… Você iria ficar com ela para sempre. 

Bom, obviamente e felizmente era apenas um mito, mas em nossa inocência sempre evitávamos fazer tais gestos. Afinal, era melhor não arriscar não é mesmo?   

6. Engolir chiclete cola as tripas 

Esse mito, sem dúvidas, é um dos mais ouvidos entre a nossa lista de clássicos e nas últimas décadas.

De fato nenhuma das enzimas estomacais é capaz de digeri-lo quando engolido, mas não seja por isso que suas tripas irão grudar como diz o mito. Após mastigado, os chicletes costumam formar uma goma bem pequena, e pelo seu tamanho consegue ser eliminada pelo estomago e intestino sem muitos problemas e dificuldades. 

7. Pterodáctilos são dinossauros 


Há muitas pessoas em todo o mundo que são fãs de carteirinha e amam de todo coração os “dinossauros voadores". Mas, o que poucas pessoas sabem é que os tão adorados pterodáctilos não são realmente dinossauros e apensar de fazerem parte da mesma época jurássica, pertencem na verdade, a família dos pterossauros.

Além disso, há muitos cientistas que defendem a teoria de evolução dos dinossauros para aves, e que os pterossauros continham mais características por parte dos répteis. 

8. Leite com manga faz mal 

A má reputação vinda por parte dessa mistura não passa de um grande mito, criado intencionalmente na época dos escravos.

Como o leite era um alimento exclusivo dos nobres, a criação do mito “Leite com manga faz mal" serviu como uma forma de evitar que o alimento seja roubado.

E ai, já haviam dito a você algum desses mitos? Se houveram outros, deixe nos comentários e bora compartilhar histórias e experiências! 

Veja também:


Gostou? Então compartilha!